Bandas

 
  R.E.M

A história do R.E.M. começou em 1979 na cidade de Athens no estado da Georgia nos Estados Unidos. Michael Stipe era um estudante de Artes recém-chegado à cidade e sempre ia à loja de discos onde Peter Buck trabalhava, até que eles viraram amigos e passaram a morar juntos. Stipe e Buck encontraram, um dia, Mike Mills e Bill Berry em uma festa da Universidade da Georgia e resolvem criar uma banda. As boas apresentações do grupo em festas de aniversários, na faculdade, em bares e lanchonetes acabaram fazendo com que os caras assinassem um contrato para a gravação de um single por uma pequena gravadora, a Hibtone isso em 1981. No ano seguinte, o R.E.M. assinou contrato com o selo I.R.S. e lançou o EP "Chronic Town", muito bem recebido pelas rádios universitárias.

Em 1983, a banda lançou o seu primeiro álbum, "Murmur", que conquistou o prêmio de "Álbum do Ano" da revista Rolling Stone, batendo os álbuns "War", do U2, e "Thriller", de Michael Jackson". O segundo trabalho do R.E.M., "Reckoning", foi gravado em 11 dias e saiu no ano seguinte, 1984. Logo em seguida, os caras partiram para uma turnê pelos Estados Unidos. Já em 1985, a banda lançou "Fables Of The Reconstruction". E em 1986, foi lançado "Lifes Rich Pageant". Nessa época, o R.E.M. já estava mais popular nos Estados Unidos. Foi a primeira vez que os caras do grupo conseguiram um disco de ouro e uma música no Top10 norte-americano, "Fall On Me". Daí pra frente foi só alegria: "Document" foi lançado em 1987, com músicas barulhentas e politicamente corretas. O grupo recebeu disco de platina e a faixa "The One I Love" arrebentou, entrando para o Top 5.

Em 1988, o R.E.M. assinou contrato com a Warner e lançou o seu sexto álbum, "Green". O quarteto deu início a sua maior e mais bem-sucedida turnê, a "Green World Tour", que durou onze meses e deixou os caras "podre" de cansaço e estresse. Após três anos sem lançar nada, a banda gravou "Out Of Time" isso em 1991, o seu álbum mais vendido de todos os tempos. Os hits "Losing My Religion" e "Shiny Happy People" ajudaram o cd a vencer três Grammy Awards e seis MTV Video Music Awards. A crítica duvidava que o R.E.M. fosse conseguir manter o padrão de "Out Of Time", mas o grupo surpreendeu a todos com o lançamento de "Automatic For The People" de 92.

Em 1994, o grupo lançou "Monster". Logo em seguida, a banda partiu para a "Monster World Tour", na qual os caras da banda tiveram que enfrentar vários problemas: Stipe teve uma hérnia, Mills se submeteu a uma cirurgia por causa de problemas estomacais e Berry quase morre por causa de um aneurisma cerebral.

Em 1996, com todos já bem recuperados, o R.E.M. renovou contrato com a Warner pela bagatela de 80 milhões de dólares, o maior contrato de toda a história da indústria fonográfica. A banda, então, lançou "New Adventures In Hi-Fi", um álbum com músicas inéditas gravadas ao vivo durante a "Monster World Tour". Em 1997, o batera Bill Berry deixou o R.E.M.. Ele queria passar mais tempo na sua fazenda com sua família. Os outros três membros do R.E.M. decidiram continuar em frente sem substituir Berry. Michael Stipe disse que "um cachorro com três pernas ainda é um cachorro". Em 1998, o R.E.M. lançou "Up", o primeiro álbum do grupo sem Berry. Em janeiro de 2001 a banda apresenta-se no Rio de Janeiro, destaque para duas novas músicas e um show é antológico. Ainda em 2001 foi lançado o novo álbum, chamado "Reveal". O disco é muito bem aceito por crítica e público, e pode ser visto como uma mistura de tudo que a banda fez anteriormente, juntamente com os toques experimentais eletrônicos do disco anterior. Destacam-se faixas como "Imitation of Life" e "The Lifting".

Após o lançamento de "Reveal", o R.E.M. grava o seu segundo acústico para a MTV americana, participa de um episódio dos Simpsons, contribui com duas músicas para a trilha do filme Vanilla Sky e embarca numa pequena turnê promocional. Numa das viagens, o guitarrista Peter Buck se involveu num incidente durante um vôo de Seattle para Londres e teve que responder processo judicial por comportamento inadequado. Já em 2002 começa a pensar em novas composições para o próximo disco. Mas o sucessor de "Reveal" ainda iria demorar muito para ser lançado, o álbum é esperado apenas para 2004.

No final de 2003, é lançada a coletânea "In Time: 1988-2003" com os maiores sucessos do R.E.M. na era Warner. O disco traz duas faixas inéditas: "Bad Day" e "Animal" e ainda inclui um encarte de 40 páginas com textos de Peter Buck e uma edição limitada com um CD extra com músicas raras e versões alternativas. Para divulgar o novo lançamento, a banda embarca numa grande turnê pela Europa e Estados Unidos, onde resgatou diversas músicas de seu repertório que há muito tempo não eram apresentadas ao vivo. "In Time" vendeu bem, especialmente fora dos Estados Unidos, e oferece uma introdução ao trabalho da banda para quem ainda não a conhece, além de alimentar as expectativas dos fãs na espera pelo próximo álbum.

 

 

 


RÁDIO UNIFEV FM
FREV - Fundação Rádio Educacional de Votuporanga

06/01/2005 - 10h59min